• Hamilton

    Em respeito aos meus de estimação, (epa!) respeito?? Respeito é o c….! CHUUUPAAA PORCADA ! AMANHA É SEGUNDA !!!!

    Responder

  • Rafaelll

    O tal do parmera e muito ignorante msmoo…….dpois ki o timaoo ganhoo a libeerta….eles tao con uma inveja ki doiio-!!!…sabe okes vao fazee pra fika na frente do timao!!!!?!?….vao se bi campeao brasileiro!!….(serie B)

    Responder

  • MARCELO

    O SHEIK É O CARA!!

    DENTRO E FORA DE CAMPO, CORINTHIANÍSSIMO: VENCEDOR, VALENTE, CRAQUE E MALOQUEIRO!

    JÁ FAZ PARTE, SEM DÚVIDA, DA GALERIA DOS MAIORES ÍDOLOS CORINTHIANOS DE TODOS OS TEMPOS.

    Responder

    Adriano - SP

    Adriano - SP Respondido em setembro 17th, 2012 11:53:

    Pelo que eu sei, o Sheik é flamenguista! Mas será que depois de alguns anos no Corinthians ele não larga essa urubuzada falida e vira Corinthiano roxo, assim como fez o Fenômeno???

    Responder

  • Yelssek

    Estou em contagem regressiva para a Tríplice Coroa do Timão:
    - Campeão da Libertadores
    - Bicampeão Mundial
    - porcada na série B

    Responder

  • Yuri RC

    Chamar esse jogo de Dérbi ta começando a ficar chato já…..
    Precisamos de um rival a altura pq esse aí…

    Responder

  • Lucas Henrique

    Galera do blog é o seguinte !!O futebol ficou muito chato,com essa era de jogador politicamente correto !!Eu nem sou tão velho assim,mas me lembro das embaixadas do edilson,das comemorações do Viola,das provocações do velho Vamp !!O Sheik faz bem não só ao timão,mas o futebol brasileiro !!Tem mais é que tirar sarro,futebol é alegria e festa !!Se fosse do lado de lá eles estariam fazendo a mesma coisa !!Então Viva o Skeik,a alegria e Vai Corinthians !!

    Responder

    Adriano - SP

    Adriano - SP Respondido em setembro 17th, 2012 11:55:

    Lembra o ano passado quando o JH chutou em falso pra provocar a porcada, imitando o Valdívia? A tiração de sarro ainda existe. Só que acho que o Corinthians ta respeitando demais essa porcada, podiam ter zuado mais… chutar um pouco mais o porco morto, empurrar bêbado na descida… sacomé hehe

    Responder

  • Mano Carlão

    Amanhã é SEGUNDA é ótimo, muito bom!!!

    E você sabe, Ganzza, que eu acho que o nosso querido Romarinho foi torcer lá com a porcada sem querer mesmo ?!

    Responder

    Ganzza

    Ganzza Respondido em setembro 17th, 2012 14:17:

    Tenho certeza de que foi sem querer. O menino não tá acostumado a jogar na Casa do Povo como visitante. É esquisito, né? E mesmo se fosse de propósito, que mal há em comemorar gol? Não fez nada, nem um gesto ofensivo, nada. E levou cartão. Absurdo!

    Responder

  • Carlos

    O que se seguiu ao gol (mais um!) do menino cabeça-fresca Romarinho contra o Palmeiras foi de um despropósito absurdo: um desequilibrado Luan, seguido por vários jogadores do decadente clube da Turiassu, partiu para cima interpelar violentamente o jogador corinthiano.

    Por, absolutamente, nada. O “pecado” de Romarinho foi fazer um gol (mais um!) em cima do time que está cada vez mais perto da segunda divisão (rebaixamento que será a vergonha das vergonhas, pois, como se sabe, time grande não cai duas vezes). A justificativa para a reação desmedida dos palmeirenses foi que Romarinho teria “provocado a torcida do Palmeiras”… Provocado de que jeito, oras? Só porque comemorou o gol? “Ah, mas ele comemorou o gol correndo na direção dos palmeirenses!” E daí? Qual é o problema? Jogador, quando faz gol, corre para qualquer direção. Nem precisava, mas Romarinho ainda justificou, com sinceridade (seu temperamento e seu histórico corroboram isso) que “se enganou, porque está acostumado” com a Fiel ocupando, tradicionalmente, aquele espaço (aliás, a Fiel já nem se surpreende mais quando, no mesmo Pacaembu, qualquer jogadorzinho adversário faz um gol e corre em sua direção, colocando um dedinho na boca (exigindo silêncio…) ou fazendo uma provocação ainda maior).

    Não satisfeito, o alucinado Luan partiu para cima do árbitro (esse, um banana), advertindo-o (na verdade, impondo-lhe) para que advertisse Romarinho. O banana não deu um cartão para Luan (jogador que, naquela altura, já havia levado um cartão amarelo, e deveria ter sido expulso – o que acabou por ocorrer depois, com merecimento, mas com atraso). Pior: deu um cartão amarelo para Romarinho!

    O árbitro (um banana) inovou, ao instituir a proibição de se comemorar um gol. Não inovou ao prejudicar o Corinthians – disparado, a maior vítima de decisões equivocadas da arbitragem, cada vez mais frequentes e absurdas.

    O lance fez lembrar um outro ocorrido, também, em um Corinthians x Palmeiras, naquele que ficou conhecido como “o jogo das embaixadinhas do Edilson”. Foi em 1999, finalíssima do Paulistão, quando, já no final da partida, título corinthiano já garantido, Edilson começou a fazer embaixadinhas, para festejar e tripudiar do rival. A reação dos jogadores do Palmeiras foi selvagem, desproporcional, partindo para a agressão física a Edilson, iniciando uma batalha campal, para manchar a festa do título.

    A selvageria e falta de desportividade dos palmeirenses ficou em segundo plano e foi justificada, pela maioria da imprensa, como uma “reação natural às provocações do Edilson”… Edilson foi julgado e condenado como o culpado pela briga! Inverteu-se completamente a ordem das coisas : não foi o Palmeiras que não soube perder, foi Edilson (o Corinthians) que não soube ganhar… A pressão da opinião pública forçou a desconvocação de Edilson da Seleção Brasileira (técnico: Vanderlei Luxemburgo).

    Ali, naquele acontecimento, institucionalizou-se um novo “codigo de honra” do futebol brasileiro, segundo o qual a irreverência, a firula e o olé são condenáveis, são “falta de respeito”… Alegria, não – “Seriedade”. Luizinho (o “Pequeno Polegar”), Garrincha, Cafuringa: R.I.P.

    Responder

    Tiago

    Tiago Respondido em setembro 18th, 2012 8:08:

    Comentário perfeito.

    Responder

  • João Vieira

    Eu uqero é ver esse STJD ai punir os porco por quebrar o pacaembu. Se fosse o Corinthians ja tava todo mundo falando.

    Responder

  • Alexandre

    Infelizmente o jogo de ontem foi na 25ª rodada, seria a maior alegria se esse treino fosse mais pra frente e rebaixar os suínos.O ano fecharia com chave de ouro, mas tá valendo a vitória.

    Responder

  • Georgeis10

    Irmãos de Fé,

    Terminei a contagem do retrospecto do Derby Paulista desde o início do século XXI (1º de janeiro de 2001), e o resultado, com base no soberbo site http://www.acervosccp.com, é a seguinte:

    - 13 vitórias do Corinthians
    - 10 empates
    - 8 vitórias do palmeiras

    Com 38 gols pró e 35 gols contra, o Timão tem um saldo positivo de 3 gols neste século.

    Após a derrota na semifinal da Libertadores de 2000, o Corinthians ficou até o 1o turno do Brasileirão de 2004 sem nenhuma derrota para seu maior rival.
    O Corinthians perdeu todos os jogos disputados contra o rival em 2007 (3 jogos) e 2008 (1 jogo).
    O Corinthians venceu todos os jogos disputados contra o rival em 2012 (3 jogos)

    Entre 01.01.2001 e 16.09.2012, o Corinthians conquistou 10 Títulos (1 Libertadores, 2 Brasileirões, 2 Copas do Brasil, 3 Paulistas, 1 RJ-SP e 1 Série B), sendo 2 deles de forma invicta, bem como
    ainda 3 vice-campeonatos em torneios profissionais e 5 participações em Libertadores, além de 4 títulos de Copa SP de Futebol Junior.

    Entre 01.01.2001 e 16.09.2012, o palmeiras conquistou 3 Títulos (1 Copa do Brasil, 1 Paulista, 1 Série B), com 4 participações em Libertadores.

    Responder

    Lucas Henrique Respondido em setembro 19th, 2012 13:49:

    Belo levantamento.Como diz o nosso hino “Teu passado é uma bandeira, teu presente uma lição “.Vai Corinthians !!

    Responder

    Tiago

    Tiago Respondido em setembro 19th, 2012 20:19:

    Muito bom, cara!

    Responder

  • Para amantes de futebol e para encontrar seus amigos

    recomendação

    http://www.socialtorcedor.com/nc/corinthians

    Responder

  • Georgeis10